segunda-feira, 29 de junho de 2015

Poluição Ambiental/CSN


        CSN(Companhia Siderúrgica Nacional)

A problemática é antiga, a situação é recorrente. a população na circunvizinhança sofre devido
às circunstâncias que se arrastam. Ativistas criticam a empresa, afirmam que a CSN não cumpre exigências da Lei Orgânica do Município ( Volta Redonda), não divulgando medições atmosféricas periódicas. O MPF ( Ministério Público Federal), entra com ação contra CSN por danos ambientais e pedem as suspensões das atividades de 3 unidades de de compactação de pó de ferro, mas a empresa garante que é sustentável. As atividades só seriam restabelecidas depois do cumprimento das obrigações junto aos órgãos ambientais, além do pagamento de compensação pelos impactos causados ao meio ambiente. O MPF quer o Licenciamento Operacional!  Os procuradores querem evitar que o INEA(Instituto Estadual do Ambiente) e  os órgão estaduais protelem o TAC (Termo de Ajuste de Conduta). 

OBS: "A COMPANHIA AINDA PODE CONTINUAR PROTELANDO O CUMPRIMENTO DE SUAS OBRIGAÇÕES COM A QUALIDADE DE VIDA DA CIDADE."



Em: jornal O Globo, 28/06/2015, pág.30.

Nenhum comentário:

Postar um comentário