segunda-feira, 2 de janeiro de 2017

ILHA DE CALOR

Nenhum texto alternativo automático disponível.



Moradores de centros urbanos sem parques ou florestas por perto, a "ilha de calor" está logo ali, acima do concreto, do asfalto, dos telhados dos mais lindos arranha-céus. Os prédios altos e as ruas estreitas ajudam a aumentar a temperatura e a reter a radiação solar. Também dificultam o passeio das brisas... como ventar? É preciso encarar as ruas da cidade e respirar. Respirar fumaça e poluição retida. Fumaça da queima de tanta gasolina de tantos motores e chaminés ao redor. Os rios urbanos não dão conta de transpirar. Os córregos subterrâneos seguem à parte e, infelizmente, desconhecidos pela população. Com poucos parques e áreas verdes, algumas megacidades como São Paulo também perdem a umidade da transpiração das plantas.

Medidas extremamente simples podem minimizar o efeito "Ilha de calor", infelizmente, muitos não se deram conta que o plantio de árvores pode ajudar, enormemente, este e outros problemas  como: infiltração de água das chuvas nas enchentes, em solos impermeabilizados; recuperação hídrica de nascentes; melhoria da qualidade do ar, entre tantos outros. Enfim, não podemos esperar as autoridades, vamos arregaçar as mangas no intuito de um ambiente melhor





https://www.facebook.com/arvoresertecnologico/photos/a.501991869943424.1073741828.501466783329266/860352060774068/?type=3&theater

Nenhum comentário:

Postar um comentário