quinta-feira, 1 de outubro de 2015

MECANISMO DE FACILITAÇÃO DE TECNOLOGIA PARA ALCANÇAR OBJETIVOS GLOBAIS / ONU /PNUMA






A Organização das Nações Unidas, Estados-membros e outros parceiros lançaram no último sábado o Mecanismo de Facilitação de Tecnologia, uma nova iniciativa focada em aprimorar a criação e o uso de tecnologias inovadoras que ajudarão a alcançar a Agenda 2030 de Desenvolvimento Sustentável.
O mecanismo, que havia sido aprovado para o lançamento neste ano pela 3ª Convenção Internacional de Financiamento para o Desenvolvimento, em Addis Ababa, na Etiópia, é uma ampla colaboração entre Estados-membros, a sociedade civil, o setor privado, a comunidade científica, as agências da ONU e outros pontos de contato.
O Diretor Executivo do PNUMA, Achim Steiner, disse: “O cumprimento da Agenda 2030 dependerá de uma ação cooperativa. Em nosso mundo interconectado, parcerias locais e globais nas áreas de ciência, tecnologia e inovação serão essenciais para atingirmos os nossos Objetivos Globais. O PNUMA e o Sistema ONU continuará a apoiar esses esforços colaborativos, agindo em solidariedade com o apoio dos Estados-membros para encorajar o tipo de inovação necessária para alcançarmos um futuro sustentável.”
O mecanismo será composto por um time interno da ONU (IATT) nas áreas de Ciência, Tecnologia e Inovação (CTI) para os Objetivos Globais, presidido pelo PNUMA e pelo Departamento de Assuntos Econômicos e Sociais da ONU (DESA); um fórum anual e uma plataforma online como uma porta para informações existentes sobre iniciativas, mecanismos e programas.
No lançamento do evento, co-organizado pelo time interno e pelos governos da França e do Brasil, a alta delegação iniciou a discussão sobre como o mecanismo trabalhará para apoiar a Agenda 2030, incluindo a identificação de tecnologias existentes e como elas podem ser usadas para apoiar o novo acordo sobre o clima que será finalizado em dezembro.
O PNUMA tem estado envolvido com o mecanismo desde o conceito inicial, e emprestará sua profunda experiência de parcerias anteriores na área de tecnologia para garantir o sucesso da empreitada. O PNUMA já proporcionou iniciativas como o Centro e Rede de Tecnologia para o Clima (com o corpo de Desenvolvimento Industrial da ONU), a Coalizão para o Clima e o Ar Limpo para reduzir poluentes e a iniciativa en.lighten, sobre eficiência energética.

Sobre o Mecanismo de Facilitação de Tecnologia:
A equipe interna para os Objetivos Globais é atualmente composta por PNUMA, DESA, ONUDI, UNESCO, a Conferência de Comércio de Desenvolvimento da ONU (UNCTAD), a União Internacional de Telecomunicações (UIT), a Organização Mundial da Propriedade Intelectual (OMPI) e o Banco Mundial. Será aberta para a participação de todas as agências do Sistema ONU, fundos e programas e comissões funcionais do Conselho Social e Econômico.
A plataforma online será usada para mapear informações existentes nas áreas de inovação científica, de tecnologia e inovação, assim como as melhores práticas e lições aprendidas nesses segmentos.
O Fórum de Ciência, Tecnologia e Inovação ocorrerá uma vez por ano, por um período de dois dias para discutir cooperações nessas áreas temáticas para a implementação dos Objetivos Globais. O evento identificará e examinará as necessidades e lacunas tecnológicas, incluindo a cooperação científica, a inovação e a capacitação.
http://web.unep.org/onu-lan%C3%A7a-mecanismo-de-facilita%C3%A7%C3%A3o-de-tecnologia-para-alcan%C3%A7ar-os-objetivos-globais

Nenhum comentário:

Postar um comentário